O que são Tecnologias Sociais?

No final da década de 1960, o Dr. E. F. Shumacher, autor do Pequeno é Belo introduziu o conceito de tecnologia apropriada. A famosa introdução deste conceito vem tendo um grande impacto no pensamento corrente da área de desenvolvimento. O termo tecnologia apropriada ficou mais conhecido em 1973, durante a crise mundial de petróleo e o fortalecimento dos movimentos ecológicos dos anos 70. Shumacher estipulou que as soluções para os problemas mundiais precisariam incorporar quatro qualidades: o tamanho pequeno, a simplicidade, a economia de custos e a paz.

Em que exatamente constitui a tecnologia apropriada em casos específicos é um motivo de debate, mas geralmente o termo é usado por teóricos para questionar a alta tecnologia e a mecanização excessiva, o deslocamento humano, redução de recursos ou o aumento da poluição associada à industrialização sem fiscalização. Muitos ecologistas acreditam que tecnologias apropriadas podem ajudar a proteger o meio ambiente, são menos poluentes, usam os recursos de modo sustentável, reciclam mais seus resíduos e produtos e lidam com os resíduos de uma forma mais aceitável do que as tecnologias que substituem.

O termo tecnologia social foi criado para se referir às tecnologias apropriadas para o meio ambiente e a cultura que pretende apoiar. Tecnologia social compreende produtos, técnicas ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidas na interação com a comunidade e que representem efetivas soluções de transformação social. As tecnologia sociais são particularmente adequadas para nações em desenvolvimento e áreas rurais subdesenvolvidas de países desenvolvidos, onde há falta de recursos e de mão de obra especializada para operar e manter a alta tecnologia. Na prática, é muitas vezes descrita como a forma de usar, em todas as áreas de uma cultura de sustentabilidade, o mais simples e benéfico nível de tecnologia que permita efetivamente alcançar o propósito desejado, em um local específico.

Tecnologias socias utilizadas no Ecocentro IPEC 

O Ecocentro IPEC tem a missão de experimentar, modificar e divulgar tecnologias sociais para a realidade brasileira. Abaixo está uma apresentação de algumas tecnologias que foram experimentadas e testadas e podem, hoje, ser encontradas em vários estados brasileiros.

Sanitário compostável

Aquilo que nos grandes centros urbanos se torna a maior dor de cabeça, no Ecocentro IPEC é transformado em recurso indispensável: os dejetos humanos.

Através do processo da compostagem, os dejetos humanos são transformados em um adubo de excelente qualidade. O adubo é utilizado nos cultivos para se tornar novamente comida. Dessa forma, o ciclo natural do alimento é mantido e a matéria orgânica retorna ao húmus do solo.

Tecnologias finalistas do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2005.

Caixa d’água

Com tanta gente sem acesso à água potável no Brasil, faz sentido social e econômico fazer caixas d’água.

Tanques de ferrocimento podem conter de 5 mil a 100 mil litros de água. A técnica do ferrocimento é uma forma eficiente e barata de se construir reservatórios, tanques ou laguinhos, com aplicações que vão desde o armazenamento até o tratamento passando pela aqüicultura.

Tecnologias finalistas do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2005.

 

Superadobe

O Ecocentro IPEC dispõe da maior edificação em superadobe do hemisfério sul: trata-se de sua cozinha industrial. Essa tecnologia está sendo usada em todo Brasil de cozinhas comunitárias à residências ecológicas, escolas e parques.

Tecnologia Certificada no Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2005.

Aquecedor solar de baixo custo

O aquecedor solar de baixo custo foi desenvolvido pela ONG “Sociedade do Sol”. Sua montagem é simples e rápida, e o custo reduzido o suficiente para as famílias.

No modelo simples os coletores são feitos com placas de forro de PVC, facilmente encontradas e normalmente utilizadas em divisórias de escritório. Cada coletor tem a capacidade de aquecer de 80 a 100 litros de água por dia, numa temperatura que gira em torno de 60ºC.

O reservatório de água quente deve ser termo-isolado com algum tipo de material isolante, como a palha, serragem, colchões, papelão, plástico bolha, dentre outros, podendo ser feito a partir de qualquer um dos tipos de reservatório encontrados no mercado.

Há, no mundo de hoje, muitos desafios que procuram desencorajar as pessoas de seu idealismo e esperança para o futuro. Ao desenvolver um sentido de união entre as pessoas e os sistemas, pessoas são capazes de refletir e agir no sentido de moldar a comunidade local e global.

Como cidadãos em uma nação globalizada, nós somos capazes de encorajar a solução de problemas como um processo para estimular as pessoas a reconhecer soluções para um futuro sustentável.

78366759 Lucia Legan (2009) Solução Sustentáveis – Permacultura Urbana

 

Um comentário sobre “O que são Tecnologias Sociais?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s